10+1 Filmes de 1967

  • Bonnie e Clyde – Uma Rajada de Balas (Bonnie and Clyde, Arthur Penn)
    O filme que inaugura a Nova Hollywood.
  • A Primeira Noite de um Homem (The Graduate, Mike Nichols)
    Coo, coo, ca-choo, Mrs. Robinson | Jesus loves you more than you will know
  • A Bela da Tarde (Belle de Jour, Luis Buñuel)
    Seria a Deneuve definitiva não fosse o … do Polanski.
  • A Sangue Frio (In Cold Blood, Richard Brooks)
    O clássico de Truman Capote adaptado com rara precisão.
  • Hombre (Martin Ritt)
    Um Elmore Leonard dos primórdios. Um Paul Newman se achando.
  • Adivinhe Quem vem para Jantar (Guess Who’s Coming to Dinner, Stanley Kramer)
    Saca Corra!, do Jordan Peele? Então…
  • No Calor da Noite (In the Heat of the Night, Norman Jewison)
    O Poitier do filme acima agora vira Mr. Tibbs. Melhor de 67, segundo o Oscar.
  • À Queima-Roupa (Point Blank, John Boorman)
    Boorman ainda se aventurava. Lee Marvin era Lee Marvin.
  • Viagem ao Mundo da Alucinação (The Trip, Roger Corman)
    LSD sem Lucy, céu nem diamantes. Tem Peter Fonda.
  • Terra em Transe (Glauber Rocha)
    Viagem ao mundo da alucinação tupiniquim. Depois desse, só Bacurau.

  • O Samurai (Le Samouraï, Jean-Pierre Melville)
    Feedback francês para o noir do outro lado do Atlântico.
    Delon, a fotografia, o silêncio, o passarinho, o jazz…
    “O todo é maior que a soma…” Neste caso, muito maior.

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Sliding Sidebar

Sobre

junkyage s.f. última era do  antropoceno. Última no sentido de recente, corrente. Última no sentido de derradeira, saideira?

* (asterisco) s.m. 1. curinga, substituto. 2. representação lo-fi de uma flor.

Junkyage* blog à moda antiga sobre coisas que merecem ser vistas ou revistas antes que a gente foda com tudo.

Curador Amador

Nando Vasconcellos, cidadão de meia idade e vida inteira de amador numa cidadezinha do interior que não é Bacurau. Que pena!

Cura é copia & cola com zelo, na unha, sem algoritmos. Crio com retalhos dos outros. Algumas partes e relações são óbvias. Este todo* não surgiria em nenhum outro lugar. Nem se bilhões de macacos tentassem por dez mil anos.